Visite a Lojinha - Carimbos, Cuttlebug e muito mais!

25 de julho de 2010

Um pouco sobre emboss, maquininhas e plaquinhas


Desde que comecei a fazer cartões e scrap sempre adorei a técnica de relevo seco ou emboss.
Neste cartão eu usei a maquina cuttlebug com placa de relevo Quickutz e placa de corte Spellbinders. Mas não foi sempre fácil assim...

No início eu usava uma base de vidro com uma lâmpada por baixo, apoiava a placa de relevo de metal ou o stencil sobre o vidro, posicionava o papel do lado avesso para cima e com o boleador contornava todo o desenho.

Assim eu fazia meus relevos. Assim eu fiz o meu convite de casamento. Todos!! Um a um...

Com o tempo fui conhecendo novos produtos que facilitaram muito o trabalho do emboss.


Hoje eu tenho uma cuttlebug, um equipamento da marca Provo Craft. Ela é como uma maquina de fazer macarrão. Tem dois rolos e uma manivela.



Com placas de acrílico, placa de relevo e papel formamos o "sanduíche" e passamos pela maquininha. O emboss está pronto!

A Cuttlebug é apenas uma das maquininhas existentes no mercado. Todas possuem plaquinhas de emboss e de corte próprias e por sorte todas servem em todas também! Assim, podemos comprar plaquinhas de marcas diferentes, formar sanduíches diferentes e ter novos relevos e cortes.


As marcas que eu conheço são Cuttlebug, Spellbinders, Quicktuz e Sizzix.

23 de julho de 2010

Manta para o Arthur

Ainda na onda dos babys! Fazer coisas para bebês é uma delícia! São tantas possibilidades, cores, modelos, dá vontade de fazer tudo... mas por enquanto só para os bebês das amigas!



Minha última arte foi esta mantinha para o Arthur (filho da Maurilisa). Eu estava num sábado aqui em casa passeando pela net, quando li uma msg da Mau e liguei pra ela para saber se podia fazer uma visita.
Fui na hora, encontrei toda a família reunida, o Arthur está enorme! A única vez que o vi foi no hospital, há quase 03 meses!
Foi ótimo colocar a conversa em dia, conhecer o cantinho de scrap da Mau, tomar chá, brincar com o Danilo!
A técnica utilizada foi o patchwork diagonal. Usei tons de verde para combinar com a decoração do quarto do Arthur (cor que adoro!). Com a técnica, a manta ficou com um efeito degradê. Adorei fazê-la! Coloquei uma manta acrílica bem fofinha e quiltei folhas em toda a lateral de piquet branco.
O acabamento é em viés verde claro com estrelinhas brancas, mesmo tecido do forro.

Sobre o quilt, eu adoro quiltar!!! Adoro ficar com o trabalho e fazer cada pontinho a mão, com linha, agulha e muita calma.

É o segundo trabalho que uso o stencil de folhas da minha prof. Dagmar. Eu risco com lápis e depois quilto.

A mantinha é quadrada, para usar no carrinho ou enrolar o bebê quando bater um ventinho.

4 de julho de 2010

Toalha com tulipas

Vocês não imaginam como existem técnicas de patchwork. Eu fico encantada com cada técnica nova que aprendo.


Esta peça eu comecei antes de fazer o panô de coração, mas como é maior e mais trabalhada, levei mais tempo e postei o coração antes. A técnica é a mesma (foundation).
O centro é formado por quatro blocos iguais. Cada bloco é feito com pedacinhos de tecidos que são costurados conforme a numeração contida no molde.
Nos cantos eu diminui o molde usado no centro e fiz mini tulipas, uma em cada canto da toalha.

1 de julho de 2010

Felicidades aos Noivos!

Casamento é um momento especial, tudo foi escolhido e pensado com muito carinho.
Por isso, o cartão também precisa ser especial.

Eu já fiz vários cartões para casamento, mas o que faz mais sucesso é este. Antes eu fazia as roupinhas a mão, desenhava e recortava. Agora eu corto na cricut! Os noivinhos receberam roupas novas!
Os cabidinhos eu que faço.