Visite a Lojinha - Carimbos, Cuttlebug e muito mais!

28 de julho de 2009

Thinking of You

Com a proximidade do Dia dos Pais, fiquei animada para criar cartões masculinos. Para isso, deixei de lado as rendas, flores e papéis em tons de rosa.

Escolhi papéis com tons de azul, marrom, verde e Fitas também combinando.
Um dos cartões que criei foi o Thinking of You.
Para decorar usei uma placa de emboss da cuttlebug com palavras como família, amigos, amor, faca de corte Nestabilities e uma fita azul com o nó para dar o acabamento.
Este cartão pode ser dado para lembrar os bons momentos da nossa vida com nosso pai, para um amigo querido ou para uma pessoa especial.
O que vale é o carinho que vai junto com o cartão para a pessoa tão querida!

25 de julho de 2009

Para esquentar o inverno

Eu sei que estamos no inverno, mas eu adoro as cores do outono, são mais quentes, adoro os tons de marrom, verde e alaranjado...
Aproveitei o dia frio de hoje para fazer cartões! Todos ficaram nos tons de outono, ainda mais que comprei alguns papéis na Mega que estavam lindos!

Este cartão é clássico, nada de especial, mas os papéis, o metal e o aplique de folha deram todo o charme.
Fica a idéia para o Dia dos Pais que está chegando.

19 de julho de 2009

Mini álbum casinha by Beatriz Jennings

Eu acompanho os trabalhos da Beatriz Jennings e adoro o estilo dela. Passeando pelo blog vi um workshop de mini álbuns e comprei! As aulas ficam disponíveis um um blog exclusivo para as participantes, e a cada 2 ou 3 dias ela coloca um projeto novo. No total foram 3 minis e um projeto extra.
Este é um deles, uma casinha de horlle toda enfeitada, com rendas. flores, botões, espaços para fotos e journaling.


E ontem eu recebi duas surpresas do carteiro! Produtos da Arte.1 com recortes de feltro e acrílico adesivados que ganhei no Aniversário do Creative Scrappers quando fiz um cartão de aniversário e um mini em formato de coração e outros presentinhos da Arte Infita! Adorei tudo!

12 de julho de 2009

Conservatória/RJ - Cidade das Serestas

Para quem mora no Estado de SP, dia 09 de julho foi feriado em comemoração à Revolução Constitucionalista. Assim, tivemos um final de semana de 4 dias!

Eu aproveitei para viajar um pouquinho, descansar, namorar e conhecer mais um pedacinho do nosso Brasil.
Você já ouviu falar na cidade de Conservatória? É conhecida como a cidade das serestas. Fica no Estado do Rio de Janeiro.

A cidade só tem movimento nos finais de semana, quando muitos turistas invadem as ruas atrás de música. Durante o dia não tem muita coisa na cidade, então aproveitamos para conhecer fazendas da época do café, cachoeiras, estradas de terra.

A noite íamos para a cidade para um bom jantar e muita música.
Os seresteiros fazem os shows na rua, onde improvisam banquinhos e a platéia canta junto com eles. Depois saem fazendo seresta pelas ruas da cidade e o povo acompanha e canta também.
Na frente de cada casa existe uma plaquinha com o nome de uma música. Conforme a seresta vai passando e para na frente de uma casa, canta a música da casa.
Pela estrada existem várias placas com poemas, preparando os turistar para o clima de Conservatória.
Antes de chegarmos na cidade, paramos na Fazenda São João da Prosperidade, ela está em reforma.
Nós ficamos na Pousada da Figueira, uma pousada linda, tudo novinho e muito bem cuidado pelo Celso, o proprietário.ambém é muito simpático e nos deu ótimas dicas de passeios. O café da manhã é delicioso e o nosso quarto tinha uma sacada para a piscina. A pousada não fica no meio do caminho dos seresteiro, então você pode dormir sossegado se quer fugir do barulho.

Chegamos na quinta-feira a tardinha e aproveitamos para descansar.
Na sexta-feira, depois de um super café da manhã e com as dicas do Celso nas mãos saímos em busca de natureza e belas paisagens.
Pela estrada de terra, mas em bom estado, passamos pela Ponte dos Arcos, vimos a Fazenda São Paulo, a Cachoeira São Fernando e a Fazenda Santa Clara.

A Fazenda Santa Clara é aberta para visitação e quem nos acompanha é uma das donas. A Fazenda foi usada para a reprodução de escravos, tem 365 janelas e 2 andares.
Passamos por outras cidades e fomos até Valença, de onde voltamos para Conservatória. A noite fomos para a cidade ouvir as famos serestas.

No sábado fomos em direção à Serra da Beleza, de onde podemos avistar terras de Minas Gerais.

Agendamos uma visita à Fazenda Florença, uma das fazendas usada para as gravações da novela Paraíso da Rede Globo. Lá é a casa da Santinha.

A proprietária é a Graça e é ela que nos acompanha na visitação. Atualmente ela mora na sede e construiu um hotel. O lugar é lindo! No final da visita tomamos café com bolo, queijo e canjica.

No sábado a noite choveu bastante e foi ótimo para dormir!
Domingo acordamos tranquilos, tomamos café e pegamos a estrada de volta pra casa.
No meu orkut tem mais fotos do passeio.

7 de julho de 2009

Rosas e paper rolling

No cartão de hoje usei várias técnicas e materiais que eu adoro. Renda, distress, rasgado, carimbos, doodles, páginas de livro antigo e duas coisinhas novas que aprendi!

A primeira é uma rosa feita com um círculo. Eu usei a plaquinha de círculo scalopped da Nestabilities com a cuttlebug para cortar os círculos e o meu livro antigo que separei só para recortes. Depois, com a tesoura fiz um recorte em espiral no centro do círculo e enrolei com a ajuda de um agulhão.


E a segunda técnica é o já conhecido paper rolling. Consiste em rasgar o papel, distressar e enrolar as pontinhas. Para dar o efeito de várias camadas é só fazer a mesma coisa em outros papéis e sobrepô-los antes da montagem. Eu já tinha visto em vários trabalhos mas nunca tinha experimentado. Adorei!

O papel decorado que eu usei já tem esse efeito de pintado, mas você também pode fazer o seu.

4 de julho de 2009

Novas técnicas

Passeando pelos fóruns de scrapbook eu encontro muitas técnicas diferentes para aplicar nos cartões.
Uma delas foi a transferência de imagens usando fita adesiva (durex). A dica foi dada no Creative Scrappers e foi retirado blog Inspirational.

Recorte um pedaço de fita adesiva e cole sobre a imagem a ser transferida. Retire com cuidado se quiser a imagem inteira. Eu dei umas puxadinhas aleatórias para ficar meio falhado. Usei a página de um livro velho que separei para recortes.


Vire a fita com o lado onde a imagem ficou "colada" e passe água até retirar todo o papel e ficar só a figura ou letras. Ainda sobra um pouquinho de cola na fita que dá para colar no trabalho.
Agora é só criar!
Os dois cartões foram inspirados no estilo da Iralamija. Ela usa muito o estilo vintage (que eu adoro), tinha brança, costura, rendas, fitas, botões, flores e purpurina. Não tem como não ficar lindo!


O carneirinho eu ganhei da minha mãe na Mega Artesanal 2009. Ele é da Dig Dig Artes.

2 de julho de 2009

Mega Artesanal 2009 - Eu fui!


Ontem começou a Mega Artesanal 2009 e eu fui! Fui com uma turma super animada, amigas de artesanato da minha mãe no grupo "Maritacas Amigas Fazem Arte".
O grupo é super talentoso e faz um trabalho muito bonito. Cada pessoa que sabe um tipo de artesanato ensina às outras e todas fazem um item para deixr no ateliê. No final do anos todos os produtos são vendidos e o valor arrecadado é doado a uma entidade social.
Saímos de van da Fuxico's as 8:30h rumo ao Centro de Exposições Imigrantes. Chegamos as 10:30h, quase na hora de abrirem os portões (11:00h). Tinha bastante gente na fila, mas tudo muito tranquilo e em poucos minutos doas estávamos dentro da feira.
O pavilhão de exposições é muito, mas muito grande. Ele é divido em pátio da indústria, onde estão concentradas as maiores empresas de artesanato com demostrações, cursos e os últimos lançamento e o pátio do comércio, onde estão as lojas recheadas de produtos!
Na feira não dá pra andar uma turma muito grande, pois cada uma gosta de um tipo de artesanato e perder tempo é uma coisa que não podemos correr o risco na feira, afinal, temos apenas um dia para ver tudo!
Então, eu fiquei com a minha mãe, que nunca tinha ido na Mega e adorou!
Como eu já conheço e vou todos os anos, partimos direto para o pátio do comércio em busca de produtos, novidades, idéias...
Encontramos um stand lindo de produtos de tecido. Eram bichihos, frutas, flores, bolsas e material para confecção de artesanato. Já começamos as compras!
Na Casa da Arte encontrei mais umas coisinhas, carimbos da Projeto Artes, tudo lindo!

Depois entramos na 1001 Artes (Duna Artesanato) e foi um estrago grande! Galinhas de MDF, casa de passarinho, tampas para latas, papéis de decoupage... afff!
Na ScrapSampa passei bem rapidinho só pra conferir as promoções. Não fiquei muito porque não é a praia da minha mãe e porque eu já tenho muita coisa de scrap, quase tudo o que eu quero! E também teremos uma feira só de scrap né! Comprei alguns papéis que estavam na promoção por preços a partir de R$ 1,00. Lá encontrei a Regi, sempre linda!
Pra mim, uma das maiores surpresas da feira foram as lojas de madeira (Casa da Madeira, Madeiras Suely, Oficina Paulista) onde compramos muitas caixinhas a preços ótimos!
Também amei todos os stands de partchwork e afins, bonecas de pano, bichinhos, frutas, tecidos lindos, flores, broches, bolsas... Se e pudesse comprava um de cada pra mim e mais outro tanto para dar de presente!
A feira fecha às 19h, mas como ainda tínhamos a viagem de volta pra SJC, saímos as 17h, tempo suficiente para vermos tudo, tirar fotos, fazer lanche, encontrar as amigas.
Também não poderíamos ficar mais, pois não tínhamos mais braços para tantas sacolas!!!
No final do dia estávamos todas felizes da vida, com nossas comprinhas e cheias de idéias!